Anomalias e doenças

Vídeo chocante do bebê “mutante” que teria nascido em Feira de Santana/BA. Será que é verdade? O que esse bebê tem?





O vídeo de um bebê que teria nascido em Feira de Santana, na Bahia, está circulando nas redes sociais. Muitos leitores nos procuraram interessados em saber detalhes sobre a doença e o bebê tem sido chamado de “mutante”, “criatura”, “bebê monstro” e outros nomes impróprios para o caso.

De acordo com o site E-farsas, este mesmo vídeo é real, mas o fato não ocorreu em Feira de Santana e tampouco em dezembro de 2015! Uma busca no YouTube mostra que há muito tempo esse mesmo filme já circula por aí e, inclusive, em outras línguas! Na verdade, o bebê teria nascido no Zimbábue. O site Live Leak confirma que a criança teria nascido no Zimbábue em novembro de 2015 e que ela teria sido abandonada no hospital.


Realmente as imagens são extremamente chocantes. Trata-se de um recém-nascido acometido pela Ictiose fetal ou Ictiose arlequim,  uma doença genética rara, muito grave, caracterizada pelo espessamento da camada de queratina da pele da maior parte dos corpos dos conceptos. Esta placa grossa, que costuma descamar, é separada por fissuras (profundas fendas), com a pele podendo esticar-se, forçando os lábios e pálpebras a virarem do avesso.

Em consequência de a pele facial encontrar-se altamente esticada, o recém-nascido apresenta expressão de palhaço, com olhos e bocas puxados e abertos, bem como orelhas e nariz deformados. Além disso, essa grossa capa de pele limita os movimentos, como respiração e alimentação, bem como compromete a barreira protetora da pele, deixando o recém-nascido susceptível a alterações metabólicas e infecções.

Geralmente, os bebês que nascem com ictiose arlequim morrem em pouco tempo de vida ou sobrevivem no máximo até os 3 anos de idade. Essa manifestação tem herança recessiva, portanto os pais devem ser heterozigotos e ambos devem colaborar com o gene recessivo. A ocorrência desta patologia é muito pequena, em escala de 1:10.000.000.

Fonte: infoescola//Ictiose_arlequim/tuasaude/youtube   Imagens: Reprodução/youtube
Comentários

Novidades

Topo