Alimentação

Muita atenção: Ingerir sementes de chia seca pode te levar à morte por obstrução intestinal



A semente da Chia (Salvia hispânica) é a sensação do momento em termos de saúde e para quem quer emagrecer. As sementes têm propriedades nutricionais, o que revela uma série de benefícios para o organismo, como perda de peso, desintoxicação, redução da ansiedade, do colesterol e triglicérides, previne o envelhecimento precoce, fortalece os músculos e previne a diabetes e doenças cardiovasculares. É também muito nutritiva, pois contém proteínas, cálcio, ômega 3, magnésio, manganês, fibras, antioxidantes e muita energia.

Mas é preciso ter muito cuidado com o consumo desta semente. Quem já conhece, sabe que ela pode absorver uma quantidade enorme de água, podendo, com isso, expandir 7 vezes o seu peso. Por causa disso, muitos pacientes desinformados têm ido parar na emergência de hospitais devido ao consumo da chia. O que tem acontecido é bastante simples. Algumas pessoas têm ingerido a semente seca, o que é um erro que pode custar sua vida.


Foi o que ocorreu com um homem de 39 que foi parar no hospital da Carolina do Norte, Estados Unidos. Ele ingeriu uma colher de chia seca e depois tomou água por cima. Com isso, o grão se expandiu e colapsou seu esôfago impedindo-o de engolir qualquer coisa, até mesmo sua saliva. Se não tivesse ido ao hospital, ele poderia ter até morrido em último caso.

De acordo com Nina Manolson, coaching em saúde, em Boston, Estados Unidos, se ingerimos as sementes secas, sem deixá-las em algum líquido para que os absorva antes da ingestão, elas absorverão a água que existe no seu organismo, o que possibilitará uma oclusão. “Ninguém deve consumir as sementes de chia secas ”. completa a médica Rebeca Rawl, autora do estudo “O impacto da semente de chia no esôfago”.

chia-hidratada

Quem não deve consumir chia de jeito nenhum

De acordo com o estudo citada acima da Dra. Rawl, existem alguns motivos pelos quais você não deve consumir a chia, sem antes consultar o seu médico. São eles:

Hipertensos: as pessoas hipertensas, que já estão medicadas, não devem consumir a semente, já que ela possui propriedades que baixam a tensão arterial, o que pode levar a hipotensão;

Hipotensos: pelos motivos explicados para os hipertensos, os hipotensos não devem consumir a chia. As pessoas que padecem dessa doença podem sentir alguns desconfortos, como dor de cabeça, cansaço e muito sono, isso se deve ao fato da semente reduzir ainda mais a pressão arterial, como diz um estudo do Hospital St. Michael´s, em Toronto, no Canadá;

Pessoas que estão se medicando com anticoagulantes: o grão de chia contém Ômega 3 que, ao ter efeitos anticoagulantes, potencializa o efeito da medicação. Os hemofílicos devem ficar longe dela, já que pode ocasionar hemorragias e hematomas pelo corpo;

Diabéticos: se está tomando remédio para reduzir os níveis de açúcar no sangue, é melhor não consumir a chia, já que ela possui o mesmo efeito da medicação;

Pessoas operadas no trato gastrointestinal: se sofreu uma operação seja no estômago, no cólon ou no intestino é melhor evitá-la. Pois a semente facilita o trânsito intestinal;

Diarreia: contraindicado para as pessoas que estão com diarreia, já que facilita o trânsito intestinal.

Fonte: sossolteiros/lawikiguia/buzzle  Imagens: Reprodução/ acgblog/falecoa
Comentários

Novidades

Topo
error: Sinto muito! Conteúdo protegido.