Animais

Se a cobra morder a própria língua ou uma parte do corpo, ela morre envenenada?

“É verdade que se a cobra morder a própria língua ela morre envenenada? Todo mundo fala isso, mas eu nunca soube se é realmente verdade” (Jean Keller)

Isso não acontece Jean e todo mundo que diz isso está errado. As serpentes são imunes ao seu próprio veneno, portanto elas poderiam morder a língua sem querer durante uma refeição quantas vezes elas quiserem. Mas na verdade nem isso acontece. É praticamente impossível uma serpente morder a própria língua naturalmente, porque esta é muito fina e só tem movimentos para a frente e para trás quando a serpente está de boca fechada.


Para que a serpente conseguisse morder a própria língua com os dentes inoculadores de veneno, que ficam nas laterais da boca, esse órgão teria de se movimentar para os lados e fazer curvas. Ou seja, naturalmente a serpente teria que se esforçar bastante para conseguir essa proeza, e obviamente ela não vai querer gastar energia com isso. Junta-se a isso o fato de as serpentes não mastigarem a presa durante a alimentação e se chega a resposta definitiva para a pergunta, já que não mastigaria a si própria também.

Ainda assim se por azar ela mordesse a própria língua ela não teria nenhum outro problema. Serpentes possuem uma pressão sanguínea relativamente baixa e a língua é menos musculosa, de forma que o animal deverá cicatrizar o ferimento sem maiores complicações.

1-g-20110616

Até mesmo serpentes que comem outras serpentes não utilizam o seu veneno para matar a outra. Na teoria utilizar o veneno surtiria efeito em serpentes de outra espécie e ajudaria a predadora a comer a presa, porém na prática elas começam a se alimentar pela cabeça e acabam engolindo a outra de uma vez.

cobra-serpente-jararaca-butanta-12-size-598

Fontes: mundoestranho e terra  Imagens: veja.abril/viviborges

Novidades

Topo