Curiosidades

Homem bigênero precisa descobrir todas as manhãs se será menino ou menina



Como seria namorar uma pessoa que decide todas as manhãs se passará o dia como homem ou mulher? Ryan Wigley de 20 e poucos anos é bigênero. Isso significa que todos os dias ele abre o guarda-roupa e vasculha os cabides decidindo se acordou se sentindo feminina ou masculino. Ele já tem um armário que confronta camisas de homem com vestidos, saias e blusinhas de mulher.

Bigênero, ou bigênere, é uma das inúmeras identidades transgênero não binárias, trata-se de pessoas que se identificam com ambos os gêneros, ou seja, mulheres que se identificam como homens e também como mulher, e homens que se identificam como mulher mais não deixam a sua identidade de homem. No caso de Ryan, ele nasceu homem, mas metade do tempo, se sente mulher e é por isso que ele nunca sabe como acordará no dia seguinte. Ele lida bem com isso, passa vários dias em que é o próprio Ryan. Em outros, ele prefere ser Ria, sua metade feminina. Às vezes, ele fica à vontade para mudar de gênero durante o dia.


Sexualmente, Ryan se sente atraído por mulheres, até mesmo quando está dominado pela sua metade feminina. Mas ele conta que suas parceiras anteriores não conseguiam levar o relacionamento adiante por causa de seus dois lados. Ele sabe o quanto é difícil para uma mulher entender sua condição. Atualmente namora a estudante Krystal de 18 anos que parece aceitar bem a metade feminina de Ryan. “Eu disse a ele que eu honestamente não me importo com sua ‘bigeneralidade’. É como ele é por dentro que importa para mim. Quando eu vi Ria, pela primeira vez, usando vestido e maquiagem meu primeiro pensamento foi que ela é linda e eu digo isso à ela que sempre que posso.”, disse.

Ryan mostrou sinais de sua condição aos 13 anos, ao se vestir com as roupas de sua mãe. Ao longo do tempo, a aceitação de amigos e familiares foi um processo complicado, porém, natural.

237E3A9B00000578-2848699-image-56_1416924175520

Fonte: transfinge/mirror/jornalciencia/dailymail  Imagens: dailymail
Comentários

Novidades

Topo
error: Sinto muito! Conteúdo protegido.