Curiosidades

Você agora vai poder comer pipoca à vontade! Estudo diz que pipoca tem mais fibra que alface e pode até ajudar no emagrecimento

Você agora vai poder comer pipoca à vontade! Estudo diz que pipoca tem mais fibra que alface e pode até ajudar no emagrecimento
Esse texto foi útil para você?

Vira e mexe e a pipoca está no centro das discussões dos nutricionistas e  costuma ser acusada de ser um tanto quanto traiçoeira para a saúde. A presença de gordura no preparo e o fato de nos incentivar a exagerar nas pitadas de sal estão entre as principais motivos dos cuidados com este snack delicioso. No que depender da ciência, entretanto, a má fama está com os dias contados.

Segundo o time de cientistas, da Universidade de Scranton, nos Estados Unidos, a pipoca reúne mais antioxidantes que uma porção de algumas frutas e verduras. Isso faz com que ela possa ser uma aliada na guerra contra os radicais livres, aquelas moléculas instáveis e perigosas que atacam as células e provocam o envelhecimento precoce e até o câncer.


Uma pesquisa divulgada na American Chemical Society, a pipoca possui mais fibras que o alface e, por isso, pode ser uma grande aliada no funcionamento do intestino se consumida junto com líquidos, como água e sucos. No intestino precisa de 20 a 30 gramas diárias de fibras para funcionar bem. A cada 100 gramas de pipoca ingerida correspondem a 10 gramas de fibras. Um prato fundo de pipoca têm a mesma quantidade de fibras que duas fatias de pão integral, isso quer dizer que você pode incluir a pipoca na sua dieta para ajudar no bom funcionamento do intestino e consequentemente emagrecer com saúde. A fibra poderosa da pipoca está na casca e são elas que contribuem para a formação do bolo fecal. O melhor é que o papel das fibras não fica restrito a dar um empurrão ao funcionamento do intestino. Elas também são reverenciadas por tornar a digestão mais lenta, prolongando, assim, a sensação de barriga forrada, uma vantagem e tanto para quem quer perder um pouco de peso.

Além disso, os nutricionistas dizem que a pipoca é rica em ácido fólico, um componente essencial para a multiplicação das células do organismo. Ainda por cima é pouco calórica e rica em uma substância conhecida como “amido resistente”, que é um ótimo tipo de carboidrato, que não provoca elevações repentinas das taxas de açúcar no sangue.

revista-saude-pipoca-antioxidante-fibras-01

O maior problema é o preparo!

O grande problema da pipoca é que as pessoas não sabem prepara-la de maneira correta. A maioria das pessoas colocam muito óleo ou manteiga no preparo e exageram bastante no sal e condimentos. Há pessoas que colocam bacon, queijo e chocolate… Outras, partem para a comodidade da pipoca de micro-ondas dos mais diversos sabores. E no cinema, super mega máster combo de pipoca pingando de gordura. Aí não, né gente!

Para usufruir dos benefícios da pipoca, o ideal é estourar o milho em casa mesmo com o mínimo de óleo e sal possível. O ideal para estourar o grão é no máximo uma colher de óleo e uma pitada de sal. Preparada dessa forma a pipoca é saudável, saborosa e ainda traz benefícios para a saúde. Mas se você é preguiçoso e prefere se render a comodidade da pipoca de micro-ondas a dica é: compre sempre a pipoca light com pouco sal.

pipoca-comendo

Fonte: clinicaarthemysa/bolsademulher/mdemulher   Imagens: e-tudo/bemdemais/mdemulher

 

 


Comentários

Novidades

Topo