Anomalias e doenças

Menina tem alergia rara aos próprios sentimentos e pode até morrer se ficar muito animada!



Sabemos que milhares de pessoas sofrem com inúmeras alergias e por diversos fatores diferentes. O nosso organismo reage quase que instantaneamente quando ele acredita que há um corpo estranho dentro de nós e libera várias substâncias como a histamina que inicia uma cascata de reações e sintomas da alergia, como tosse, inchaço, irritações na pele, falta de ar, taquicardia, dores de cabeça, constipação, diarreia, entre vários outros sintomas. Como se isso não bastasse o nosso organismo muitas vezes não consegue identificar nossas próprias células ou tecidos e o sistema imunológico começa a atacar a nós mesmos como um corpo estranho, isso acarreta em problemas sérios a saúde que pode comprometer a nossa sobrevivência e qualidade de vida!

Um caso bastante raro ocorreu na Inglaterra com uma jovem de 20 anos de idade chamada Chloe Print-Lambert que sofre com várias enfermidades e possui uma condição rara que a leva a ter alergia a tudo a sua volta, onde foi diagnosticada com uma doença chamada de Mastocitose. É uma doença desencadeada pela mutação na carga genética dos mastócitos, sem causa conhecida, onde eles começam a se proliferar descontroladamente apresentando problemas em sua função, ou seja, os mastócitos que são células pertencentes ao nosso sistema imunológico que deveriam nos proteger contra substâncias alérgenas começam a se acumular demais nos tecidos e provocam sérias reações alérgicas e afetando drasticamente a função dos órgãos.


A Chloe já sofreu tanto com as intensas alergias que perdeu as contas das inúmeras vezes que teve que ir ao hospital por causa de contatos a objetos, remédios simples e até aos próprios sentimentos e emoções… Isso mesmo, além de alergias a jóias, medicamentos e mudança de temperatura, a jovem sofre com alergias até quando fica muito alegre ou feliz, o seu corpo reage de uma forma totalmente negativa a esse sentimento e produz uma reação inusitada de um quadro alérgico grave chegando a dar convulsões e desmaios.

081

A jovem ainda sofre com duas doenças graves: uma chamada de síndrome de Ehler-Danlos (EDS) que afeta as articulações e tecidos conjuntivos onde qualquer batida ou pancada pode deslocar as articulações e afetar os tecidos impossibilitando ela de andar. E ainda a síndrome da taquicardia postural ortostática (POTS) que causa fadiga, indisposição, tonturas, taquicardia, principalmente posturais. O conjunto de todas essas doenças faz com que a garota viva basicamente no hospital devido seu estado critico de alergias associado a sua condição debilitante de não andar e de não conseguir realizar qualquer tipo de atividade funcional.

A garota conta que a doença evoluiu muito rápida e imagina o tempo que realizava todas as suas atividades normais, isso porque agora ela vai para o hospital até 20 vezes ao mês, onde sua mãe é sua “enfermeira” oficial em tempo integral. Ela conta que sente muitas dores nas articulações e muito cansaço físico e quando as alergias resolvem atacar ela sente dificuldades com a respiração o que compromete ainda mais a síndrome nas articulações. Todavia, mesmo com tantas dificuldades e sofrimento ela busca forças para sorrir e tentar viver com tranquilidade!

081-1

Fontes: dailymail/scielo/scielo Imagens: dailymail
Comentários

Novidades

Topo
error: Sinto muito! Conteúdo protegido.