Anomalias e doenças

Adora ar condicionado? Veja porque você precisa ficar bem longe dele!



Nos dias de calor forte, o ar condicionado se torna indispensável para driblar o desconforto causado pelas altas temperaturas, seja no carro, em casa, no trabalho, ou em momentos de lazer, como em cinemas e restaurantes. É difícil não ficar exposto a ele. No entanto, se utilizado com muita frequência, ele pode ser um vilão para a saúde, especialmente no caso de pessoas que já sofrem com alergias respiratórias.

O nariz tem a função fisiológica de filtrar, aquecer e umidificar o ar que inspiramos, para que ele chegue ao pulmão de forma agradável. Mas, o ar-condicionado, tem justamente uma finalidade contrária: ele esfria e retira a umidade do ambiente. Assim, quando ficamos expostos à ação do ar condicionado durante muitas horas podemos passar por um ressecamento das vias respiratórias e, logo, sentiremos dificuldade e desconforto para respirar, além de outros sintomas como tosse, garganta seca e sensível, irritação no nariz e olhos.


Além de todo este ressecamento, a nossa mucosa nasal pode sofrer com ataque de micro-organismos. A mucosa nasal é revestida por cílios vibrantes, responsáveis, juntamente com o ar que respiramos, por impedir a entrada de bactérias, fungos e vírus. Contudo, quando o ambiente está ressecado e fria, esses pelos ficam paralisados e essa proteção enfraquece muito. Dessa forma, a chance de contrair infecções aumenta e nas pessoas que sofrem com problemas alérgicos nas vias aéreas ficam com a mucosa ainda mais irritada, e a pessoa passa a ter crise de espirros.

renite-alergica

Não tem como evitar ambientes com ar condicionado?

Uma maneira de minimizar os problemas causados pelo ressecamento do ar é utilizar recursos que ajudem a umidificar as vias respiratórias. Você pode aplicar soro fisiológico ou gel nasal sempre que sentir necessidade. Também pode beber água de forma fracionada: meio copo de hora em hora. Quem trabalha em locais onde há ar-condicionado central e não é possível controlar a temperatura do ambiente, vale a pena manter um casaquinho sempre à mão, para manter o corpo aquecido e se proteger do frio.

Tudo isso não significa que as pessoas com doenças respiratórias não podem ficar em ambientes com ar condicionado. O médico diz que podem sim, e que o mais importante nesta situação é a higiene do equipamento, que deve estar sempre com a manutenção em dia.

download

Fonte: bolsademulher/portalvital   Imagens: portalvital/doutordoarcondicionado/descontoweb
Comentários

Novidades

Topo