Anomalias e doenças

Mulheres com acúmulo exagerado de gordura nas nádegas, coxas e genitais externos: Esteatopigia



É conhecido como Esteatopigia (steatos= gordura, sebo e pyge= nádegas, traseiro) e grosseiramente traduzido como “gordura nas nádegas”, um alto grau de gordura acumulada em torno das nádegas, formando uma protrusão. Tal gordura pode se estender até as coxas chegando aos joelhos e nestes casos afeta os a área externa da genitália aumentando-os em até 10 centímetros além dos limites. Essa formação no órgão sexual feminino é conhecido também como ‘Sinus pudoris’ ou simplesmente ‘avental’.

A esteatopigia é observada na maioria das vezes em mulheres, mas, em alguns casos pode afetar também os homens. É considerada uma característica dos genes que afeta principalmente os Khoisan e os Bantu (povos que vivem na região da África Austral), onde as mulheres com esteatopigia são consideradas mais belas e sensuais. Nestes povos a alteração inicia-se ainda na infância e já está estabelecida com a maturidade. Esta característica também é encontrada entre os pigmeus da África Central ou de Ilhas Andaman (sudeste da Ásia).


Mas nem todo traseiro grande pode ser considerado um caso destes. A diagnose da medicina moderna somente considera um caso de esteatopigia quando ocorre um ângulo aproximado de 90° entre as costas e as nádegas.

Fontes: Steatopygia
Comentários

Novidades

Topo
error: Sinto muito! Conteúdo protegido.