Plantas e fungos

Artigos científicos revelam os benefícios que o alho pode trazer à sua saúde. Você vai ficar bastante surpreso!

Além de ser um tempero excelente, o alho é um ingrediente medicinal que pode fortalecer a função imunológica e aumentar o bem estar. De acordo com estudos, um adulto saudável pode consumir, com segurança, até quatro dentes de alho grandes por dia. Os efeitos de fortalecimento do corpo proporcionados pelo alho se dá devido à alicina, seu princípio ativo chamado. Essa substância é responsável pelo sabor e cheiro característicos.

O alho possui propriedades antimicrobianas e os seus efeitos benéficos para o coração e circulação sanguínea já eram valorizados na Idade Média. Possui um ótimo valor nutricional, possuindo vitaminas (A, B2, B6, C), aminoácidos, adenosina, sais minerais (ferro, silício, iodo) e enzimas e compostos biologicamente ativos, como a alicina. O alho também costuma ser indicado como auxiliar no tratamento de hipertensão arterial leve, redução dos níveis de colesterol e prevenção das doenças ateroscleróticas. Alho é usado na prevenção de resfriados e outras doenças infecciosas, e de tratar infecções bacterianas e fúngicas.


1 – Prevenir a queda de cabelo

O alho possui uma alta taxa de enxofre na sua composição, e isso permite que as proteínas capilares sejam sintetizadas de maneira mais rápida e eficaz. Além disso, as propriedades deste vegetal dá mais força e estimula o crescimento de novos fios. Um artigo publicado no Indian Journal of Dermatology, revelou que o uso do gel de alho no couro cabeludo pode incentivar o crescimento dos fios. Difícil é aguentar o cheiro na cabeça, não é?

2- Melhorar o desempenho físico

O uso do alho na alimentação pode levar a um aumento na capacidade de realizar exercícios físicos e diminuir a fadiga após atividades corporais. Especialistas dizem que este vegetal já vem sendo usado há muito tempo por tribos indígenas, não só para cozinhar, mas também para aumentar a capacidade de trabalho. Eles costumam mastigar o alho quando vão para frentes de trabalho. O óleo de alho também foi recomendado por especialistas para aperfeiçoar a acondicionamento físico em pacientes cardíacos. Um artigo publicado na Journal of Physiology and Pharmacology realizou um experimento em que pacientes com doenças no coração tomaram o óleo de alho por seis semanas e ao que parece, aconteceu uma redução da frequência cardíaca. Além disso, essas pessoas também apresentaram uma progresso da resistência física enquanto exercitavam na esteira.

3- Diminui os riscos de doenças cardíacas

O alho ainda pode ajudar na redução do risco de cardiopatia com considerável diminuição do colesterol total. Um estudo da Annals of internal Medicine demonstrou como o alho agia nos nível de colesterol de pessoas com condições elevadas. Ao que parece, o alho agiu diminuindo a atividade da enzima hepática que auxilia na síntese de colesterol. Os suplementos de alho podem melhorar a habilidade do corpo para quebrar coágulos sanguíneos que, também favorecem o risco de ataques cardíacos.

4- Ajuda na cura de resfriados comuns

A alicina, proteína presente no alho, também auxilia no alívio dos sintomas de resfriados. Segundo o especialista e nutricionista Rene Ficek, os dentes de alho contêm uma dose saudável de alicina, mas é necessário ingerir de alguns dentes por dia para sentir os efeitos. A suplementação de alho ainda pode ser usada para manter os vírus bem longe. Um estudo publicado no  Advances of Therapy, mostrou que um suplemento diário de alho pode reduzir o número de resfriados em até 63%. Ao mesmo tempo, a duração média dos sintomas também foi reduzida para 70%.

5-  Melhora a saúde dos ossos

Este vegetal alcalinizante está cheia de nutrientes saudáveis, tais como: zinco; manganês; vitamina B6 e vitamina C. Um importante componente presente no alho é o manganês e as enzimas antioxidantes que, de alguma forma promovem o desenvolvimento dos ossos e tecidos conjuntivos, o metabolismo e a absorção do cálcio. Um artigo publicado na Phytotherapy Research, demonstrou  que o óleo de alho foi capaz de conservar a saúde do esqueleto de roedores com casos de hipogonadismo (um defeito no sistema reprodutor que resulta na diminuição da função das gônadas). Ou seja, é como se os compostos presentes no alho funcionam como blocos de construção para ossos fortes e saudáveis.

6- Redução da pressão arterial

Suplementos de alho tomados durante o dia pode auxiliar no equilíbrio da pressão arterial. Seus compostos ativos reduzem significativamente a pressão, em comparação aos efeitos dos medicamentos prescritos. Um estudo do Pakistan Journal of Pharmaceutical Sciences, mostrou que extrato de alho envelhecido pode ser tão eficaz como a droga atenolol, prescrita para hipertensão. O alho ativa a produção de substâncias do endotélio, considerado como o maior órgão endócrino do corpo, levando ao relaxamento da musculatura e vasodilatação.

Fontes:  medicaldaily e jornalciencia

 

Novidades

Topo
error: Sinto muito! Conteúdo protegido.