Curiosidades

Garota coloca balões extensores na cabeça para um tratamento. Veja porque.

As imagens são chocantes, mas foram necessárias por uma boa causa. A estudante Jessica Brent passou por um tratamento inovador, que envolvia passar seis meses com quatro balões inflados no couro cabeludo. O objetivo do tratamento era forçar o crescimento de pele na cabeça para cobrir um grande problema de nascença. A menina nasceu com um grande melanócito na cabeça que se não fosse tratado poderia se tornar canceroso.

Porém o tratamento deixaria Jessica careca, além de ser necessário utilizar enxerto de pele de outras partes do corpo. Isso não era nem o que os médicos e nem o que os pais queriam. Portanto eles resolveram criar um modo de fazer que mais pele crescesse no couro cabeludo. O resultado foi a inserção dos quatro balões no couro cabeludo. Ela teve os três primeiros balões de silicone inseridos em uma linha no centro de seu couro cabeludo em junho de 2013.

Os médicos então passaram seis meses inflando os balões a cada duas semanas, com mais de um litro e meio de solução salina, utilizando uma seringa. Quando a pele atingiu um tamanho suficiente para o tratamento  os balões foram removidos e os cirurgiões removeram o antigo problema. Em seguida a equipe conseguiu esticar a nova pele sobre a abertura criada, fazendo dela um couro cabeludo normal.

Capturar

A estudante Jessica Brent passou por um tratamento inovador, que envolvia passar seis meses com quatro balões inflados no couro cabeludo. Foto: dailymail

Durante todo o tratamento Jessica se manteve firme e não reclamou nenhuma vez. Ela tinha um alento em seu penteado incomum, por achar ele inspirado na de sua ídola Jessie J. Os pais ficaram orgulhosos de como a filha reagiu e elogiaram o comportamento das pessoas ao redor em relação a Jessica. Embora ela ainda tenha cicatrizes, elas estão rapidamente desaparecendo e o cabelo está cobrindo tudo. O melanócito pigmentado que causou a necessidade da inserção dos balões, afeta apenas 1% da população e pode aparecer na cabeça ou no pescoço. Esse é somente a segunda vez na história em que o procedimento com o uso de balões foi utilizado.

eer

O objetivo do tratamento era forçar o crescimento de pele na cabeça para cobrir um grande problema de nascença. A menina nasceu com um grande melanócito na cabeça que se não fosse tratado poderia se tornar canceroso. Foto: dailymail

dssa

Aqui Jessica já curte os bons resultados do tratamento. Ficou ótimo! Foto: dailymail

Fonte: dailymail e mirror

Novidades

Topo