As grávidas podem pintar o cabelo?

“Estou grávida e normalmente pinto o cabelo a cada 40 dias. Posso continuar pintando durante a gravidez?” (Luciene S. Veiga)

Não pode, Luciene. O uso de tintura nos cabelos é permitido apenas a partir do segundo trimestre de gravidez (quarto mês em diante). Isso porque as tinturas, assim como outros cosméticos, podem possuir em sua formulação substâncias que são prejudiciais ao bebê em formação, chamadas de teratogênicas.

Qualquer coisa (compostos químicos, medicamentos, drogas, microrganismos, meio ambiente) que tenha algum efeito sobre o desenvolvimento do bebê recebe o nome de teratogênico. Esses efeitos podem ser leves, causando pequenas anormalidades no bebê, mas também podem ser severas, causando um aborto. Muitos compostos usados em produtos para tingir os cabelos podem causar essas anormalidades no embrião, pois são substâncias pequenas e conseguem atravessar a pele do couro cabeludo, caindo na circulação sanguínea da mãe, chegando até embrião. Após o terceiro mês de gravidez o embrião já está com o desenvolvimento mais avançado e não é tão suscetível aos teratogênicos, mas ainda assim, a mãe deve ser cautelosa com tudo o que for usar.

Até a 16ª semana de gestação a mãe não deve usar nada no cabelo, corpo, ou por via oral sem o conhecimento e recomendação do seu médico! Até essa semana, todos os órgãos e estruturas em formação no embrião podem ser severamente afetadas, sendo o cérebro o principal afetado. O cérebro inclusive pode ser afetado após as 16 primeiras semanas, porque continua a se desenvolver muito rápido, passando por muitas divisões celulares até o nascimento. Por esse motivo, as grávidas devem ter muito cuidado com tudo que forem usar e sempre obedecer as orientações do médico para não afetarem o desenvolvimento do seu bebê.

tintura_MUJIMA20110712_0011_30
O uso de tintura nos cabelos é permitido apenas a partir do segundo trimestre de gravidez (quarto mês em diante). Foto: entremujeres

 Fonte: febrasgo