Animais

Por que as aves não tomam choque nos fios de alta tensão?

“Que tipo de proteção as aves tem que elas são resistentes ao choque quando pousam nos fios?” ( Karol Mydra)

 Quem nunca fez essa pergunta ao ver pássaros, geralmente pombos, em fios elétricos sem serem eletrocutados? Essa prática desafia a nossa razão, pois sabemos que não devemos tocar em fios desencapados se não queremos sofrer descargas elétricas. Os pássaros não possuem nenhuma proteção em especial contra o  choque. Na verdade, eles estão livres do choque porque tocam apenas um fio.


A corrente elétrica é o movimento de partículas carregadas em um condutor de forma ordenada. Porém para “existir” corrente elétrica entre dois pontos deve-se haver uma diferença de potencial elétrico entre os mesmos dois pontos. Então, os pássaros não tomam choque simplesmente porque a distância entre os pés dos animais não é suficiente para gerar uma diferença de potencial (DDP) capaz de eletrocutá-los. Ou seja, para que o pássaro tome um choque, é necessário que a corrente elétrica circule pelo seu corpo, gerando uma diferença de potencial.

4854050192_14588922f9_z

Para que o pássaro tome um choque, é necessário que a corrente elétrica circule pelo seu corpo, gerando uma diferença de potencial. Foto: Reprodução/nivardo_nepomuceno

Vejamos um exemplo onde nem todos os pássaros se dão bem ao pousar em fiação elétrica:  em lugares onde existem Tuiuiús (maior ave voadora do Brasil), os fios da rede elétrica são propositalmente instalados mais afastados uns dos outros. Assim como as outras aves, o Tuiuiú nada sofre se tocar em um único cabo, mesmo que esteja energizado, pois não está em contato com o solo. Porém sua asa é muito grande (envergadura de 2,2 metros); no pouso ou ao voar, a asa dele pode tocar dois cabos ao mesmo tempo gerando uma DDP e ocorrendo ocorre a eletrocussão.

 Da mesma forma, se uma pessoa, por descuido ou curiosidade, pegar um fio com as duas mãos, nada acontecerá também, desde que ela esteja como pássaro, sem encostar em nada além daquele fio. Caso encoste em algo ( outro fio, poste…) o choque acontecerá.

04082011093813

A asa do tuiuiú é muito grande, no pouso ou ao voar, a asa dele pode tocar dois cabos ao mesmo tempo gerando uma DDP e ocorrendo ocorre a eletrocussão. Foto: Reprodução/fotoeprosa

Fonte: brasilescola terra

Este texto é de autoria do Biólogo Paulo Alex


⚠  ATENÇÃO:  Nosso novo site, especial para mulheres, já está no ar. Acesse Diário Mulher.



Novidades

Topo