10 erros que você, com certeza, comete quando está escovando os dentes!

A preocupação com a saúde bucal tem sido cada dia mais ensinada e já tem se tornado parte de nossas vidas. Antigamente, mesmo os dentistas não eram tão dedicados à higiene bucal de seus pacientes como são hoje. A verdade é que a maioria de nós não sabemos a maneira correta de escovar os dentes e quando achamos que somos super dedicados à nossa higiene bucal, na verdade estamos cometendo erros que a longo prazo podem resultar em sérios problemas.

  1. Escova com cerdas duras

Errado! Muita gente acha que quanto mais forte forem as cerdas da escova de dentes, melhor a limpeza. Mas na verdade, nossa escova deve ser sempre ultramacia, pois ao longo do tempo, as cerdas duras desgastam o esmalte ds dentes e causam retração da gengiva. A escova ultramacia e com grande quantidade de cerdas é a mais indicada pois ela alcança a máxima eficiência sem machucar.

442669-Como-escolher-a-escova-de-dente-certa-dicas3
nossa escova deve ser sempre ultramacia, pois ao longo do tempo, as cerdas duras desgastam o esmalte ds dentes e causam retração da gengiva. Foto: Reprodução/tatianadumenti
  1. Escovar os dentes com força

Erro fatal! É normal ver pessoas escovando os dentes como se estivesse levantando peso na academia. Isso não é necessário, nem recomendado.  O que importa é o procedimento de escovação correto e o uso de uma boa escova. Os dentistas recomendam que apoiar a escova sobre a superfície dos dentes em um ângulo de 45 graus, com metade das cerdas na superfície dental e a outra metade recobrindo a gengiva é a melhor posição para a escovação. Não é necessário pressionar a cabeça da escova contra os dentes e os movimentos devem ser vibratórios e circulares, durante aproximadamente cinco segundos em cada uma das superfícies dos dentes.

dura-3
O que importa é o procedimento de escovação correto e o uso de uma boa escova. Foto: Reprodução/doutissima
  1. Usar a mesma escova por muito tempo

Não pode! As escovas com cerdas desgastadas fazem com que, sem perceber, aumentemos a força e pressão do cabo da escova durante a escovação. O ideal é que a escova dental seja trocada no máximo a cada dois meses, às vezes bem menos que isso.

escova-de-dentes-velha-usada-higiene-bucal
O ideal é que a escova dental seja trocada no máximo a cada dois meses, às vezes bem menos que isso. Foto: Reprodução/suavidacomsaude
  1. Escovar os dentes várias vezes e por muito tempo

Isso não é necessário! O que vale é a qualidade e não a quantidade. Uma boa escovação deve demorar no máximo 7 minutos e não é necessário escovar os dentes mais que 3 vezes ao dia.

10.2
Uma boa escovação deve demorar no máximo 7 minutos e não é necessário escovar os dentes mais que 3 vezes ao dia. Foto: Reprodução/rafaelviek
  1. Encher a escova de pasta de dentes

Erro de muitos! O que realmente limpa os dentes não é a pasta de dentes e sim a escova. O creme dental ideal para um boa escovação é do tamanho de uma ervilha e nada mais que isso. Deve ser aplicado entre meio as cerdas para que não seja engolido durante a escovação. Além disso, o excesso de espuma pode prejudicar a higiene da boca. Tudo fica refrescante, mas não fica realmente limpo!

o-que-e-fluor-size-3
O creme dental ideal para um boa escovação é do tamanho de uma ervilha e nada mais que isso. Foto: Reprodução/odontologiatakehara
  1. Creme dental abrasivo (com micropartículas)

Parecem ser os melhores, mas não são! Além de formarem mais espuma prejudicando a ação da escova, ele pode tornar os dentes mais sensíveis e arranhar o esmalte.

3020_1
Creme dental com micropartículas podem arranhar o esmalte dos dentes e fazê-los mais sensíveis. Foto: Reprodução/capixabao

 

  1. Escovar os dentes assim que termina de comer

Também não pode! O certo é esperar pelo menos 30 minutos depois do término da refeição para escovar os dentes. Neste tempo, nossa saliva age neutralizando o pH dos alimentos ingeridos. A saliva tem uma importante ação antisséptica que facilitará a limpeza dos dentes pela escova. Além disso, a água usada na escovação vai atrapalhar o trabalho da saliva. Melhor esperar alguns minutos depois das refeições para fazer a higiene bucal.

comer-maça
Durante os primeiros 30 minutos nossa saliva age neutralizando o pH dos alimentos ingeridos. Foto: Reprodução/yasminmantsoni
  1. Passar fio dental depois de escovar

Aí não adianta! O fio dental ou a escova interdental devem ser usados antes da escova e do creme dental. Os restos de comida que ficam presos entre os dentes acabam atrapalhando que a escova entre naquela espaço e por isso devemos removê-los antes de escovar.

passar-fio-dental-620x380
O fio dental ou a escova interdental devem ser usados antes da escova e do creme dental. Foto: Reprodução/muitox
  1. Usar enxaguante bucal em todas as escovações

Também tá errado! Os enxaguantes são importante no auxílio da prevenção de doenças bucais. No entanto, a frequência deve ser moderada, no máximo uma vez ao dia, ou até de dois em dois dias. Além disso, aqueles enxaguantes com álcool não são indicado!

enxaguante-bucal-saude
A frequência do uso de enxaguante deve ser moderada, no máximo uma vez ao dia, ou até de dois em dois dias. Foto: Reprodução/mdemulher

10. Usar enxaguante ao invés de escovar

Este é o pior erro que uma pessoa pode cometer! Às vezes no momento da pressa, passamos rapidamente no banheiro bochechamos um pouco de enxaguante bucal e vem aquela sensação de refrescância deliciosa… Então não precisa escovar? Errado! O enxaguante não limpa NADA. Somente escova e fio dental são capazes de fazer esse trabalho.

resize_1398243910_uploads_images_ca62d7b6b516f9541f2f6d78aeb8269d_jpg_610x0_85
O enxaguante não limpa NADA. Somente escova e fio dental são capazes de fazer esse trabalho. Foto: Reprodução/dental
Fonte: rafaelviek