Curiosidades

Sabia que tomar antibióticos cedo demais pode aumentar as chances de obesidade?



Durante a infância, seu corpo não é a única coisa que cresce rapidamente. A microbiota (bactérias) existente no seu corpo, principalmente as que vivem no intestino começam a se proliferarem justamente nessa fase. Essas bactérias vivem em harmonia e na maioria das vezes ajudam a controlar certos mecanismos no nosso corpo, além disso, são essenciais, para a construção de um sistema imunológico forte, por exemplo.

Um estudo feito com ratos mostrou que o uso de antibióticos mesmo em doses baixas podem interromper o desenvolvimento dessas bactérias benéficas, aumentando o risco de obesidade na vida adulta. Uma dose baixa de penicilina (antibiótico) foi administrada em ratos, durante as primeiras semanas de vida e toda a microbiota e suas características metabólicas foram analisadas. Como esperado, o antibiótico reduziu o número de bactérias intestinais que eram benéficas. E em algumas semanas depois, os ratos tratados começaram a ingerir uma dieta rica em gordura, foi então que começaram a ganhar muito peso.


As fêmeas eram as mais vulneráveis, todas apresentaram o dobro da gordura corporal em comparação com outras que se alimentavam da mesma dieta, porém não foram tratadas com antibióticos. Os ratos tratados com antibióticos que se alimentavam de dietas normais não ganharam peso, nem ratos mais velhos que receberam antibióticos.

ratinho

Ratos tratados com antibióticos tiveram a sua quantidade de bactérias intestinais reduzidas e ganharam peso. Foto: Reprodução/r7

Este estudo revela grandes alterações na fisiologia geral dos indivíduos a longo prazo, porém devemos lembrar que este estudo está no início e futuras pesquisas deverão ser realizadas para avaliar o impacto de diferentes antibióticos e dosagens, além de posteriormente ser testado também em humanos.

engordando

Pesquisadores já se preparam para fazer os testes com humanos. Foto: Reprodução/vestindosaude

Fonte: Science

Texto de Thailine Costa – Bióloga 

Novidades

Topo
error: Sinto muito! Conteúdo protegido.