Animais

É certo deixar cães dormirem na nossa cama, comer na mesa e lamberem nosso rosto?

É certo deixar cães dormirem na nossa cama, comer na mesa e lamberem nosso rosto?
Esse texto foi informativo para você?

“Adoro cães, mas não acho certo eles subirem na cama, na mesa na hora das refeições e lamberem nossa boca. Queria saber se isso pode nos trazer doenças.” (Gisele Marques)

Esse assunto pode gerar algumas controvérsias, já que há dois times sólidos defendendo fortemente seus pontos de vista. De um lado, uns não veem problema em eventuais lambidas caninas, com muitos antigos acreditando que a saliva do cão tem um poder de cura, já que ao se machucarem, eles lambem a ferida (nesses casos, o que acontece é que a língua retira o tecido morto, estimulando a circulação). Entretanto, o outro lado acha absolutamente nojento, e vive lembrando que o cachorro basicamente está sempre cheirando o bumbum do outro como forma de comunicação, além de lamber e cheirar tudo em seu caminho. E quando nós dizemos “tudo”, é tudo mesmo!


Sabe-se que das 250 zoonoses – infecções transmitidas entre os animais e o homem – mais de 100 são derivadas de animais domésticos. Os cachorros podem transmitir algumas doenças ao seres humanos quando eles não são devidamente tratados. As principais doenças transmitidas por cachorros incluem: raiva, micoses, doença de lyme, leptospitose, ancilostomose.

Levar um lambeijo do seu cãozinho não faz mal. Estudo demonstra que levar uma lambida do melhor amigo ou compartilhar a cama com ele não oferece risco à nossa saúde como muitos pensam. Um estudo realizado em 2009 na universidade Kansas State, em Manhattan, EUA, mostrou que o contato próximo entre caninos e os seus proprietários não traz riscos para a saúde humana.

 Em contrapartida, um estudo publicado na revista especializada Emerging Infectious Dieases, informa que animais aparentemente saudáveis podem transportar parasitas, bactérias e vírus causadores de doenças que podem levar à morte quando transmitidas ao homem. Segundo dados do relatório, dormir com o cachorro ou o gato, ou ainda beijá-lo ou ganhar uma lambida do animal pode ocasionar ao homem diversas doenças transmissíveis, dentre elas a ancilostomíase (popularmente conhecida como amarelão), dermafitose, vermes dermatóides, linforreticulose e infecções estafilocócicas resistentes a medicamentos. Então, você deve pensar duas vezes antes de se aconchegar na cama com seu animalzinho de estimação.

Devemos estar cientes que os animais podem transmitir doenças ao homem, mas os benefícios para a saúde de ter um animal de estimação superam os riscos. Pesquisas já demonstraram que além de oferecer apoio psicológico e amizade, os animais de estimação ajudam, dentre outras coisas, a baixar a pressão sanguínea, aumentar a atividade física, reduzir o estresse e melhorar o humor do dono.

Fonte: portaldodogblogdavidsdogtuasaude artigonal

Este texto é de autoria do Biólogo Paulo Alex


Novidades

Topo