Curiosidades

Este homem comeu toda a placenta da esposa depois do nascimento do filho: placentofagia

Este homem comeu toda a placenta da esposa depois do nascimento do filho: placentofagia
Esse texto foi útil para você?

Não é nenhuma novidade pra nós que muitos mamíferos praticam placentofagia (ingerem a própria placenta). A explicação é que a placenta contém altas taxas de prostaglandina, substância capaz de estimular a involução do útero. Possui também oxitocina, um hormônio que diminui o stress do parto e ajuda na secreção do leite. Alguns especialistas garantem que a placentofagia nos animais é um comportamento natural como proteção com o objetivo de não deixar rastros do nascimento do filhote.

Entre os humanos, mulheres de algumas culturas pelo mundo são adeptas da placentofagia e ingerem a própria placenta afim de prevenir a depressão pós-parto. E acredite: existem várias receitas que fazem a placenta parecer bastante apetitosa. É comum também a mãe pagar um laboratório especializado para transformar suas placentas em pílulas que podem ser tomadas por anos após o nascimento.


Mas Nick Baines, um escritor de gastronomia e viagens, quis levar a experiência do nascimento do filho ao extremo. Depois de discutir com a esposa durante toda gestação sobre sua vontade de comer placenta, Nick já saiu do hospital carregando sua refeição. Segundo ele, no momento em que pegou aquela massa sangrenta, pensou em desistir, mas durante a preparação, a placenta pareceu apetitosa e atraente. Primeiro ele preparou um taco com o recheio de… placenta frita e temperada. No dia seguinte, preparou “smoothie” (uma espécie de vitamina) com banana, leite e… placenta. E o gosto? Segundo ele, no começo, só dava para sentir o sabor da banana, que foi substituído por um gostinho sangrento e metálico. O cheiro lembra uma sala de parto!

placenta

img_2445

article-2618751-1D85D92F00000578-466_634x429

Tacos recheados com placenta temperada!

placenta2

Smoothie de banana e placenta!

Fonte: DailyMail

Novidades

Topo