Animais

Essa é boa: a tartaruga punk pode respirar pelo bumbum



Por causa do seu “penteado”, ela é famosa na internet desde 2009. As tartarugas do Rio Mary (Mary River Turtle), na Austrália convivem diariamente com tufos de algas verde colonizando partes do seus corpos em uma interação ecológica chamada pelos ecólogos de inquilinismo. Neste caso há benefício apenas a uma das espécies envolvidas na interação. Assim, apenas as algas são beneficiadas por necessitarem de um substrato, já para tartaruga é indiferente. Pertence à espécie Elusor macrurus e é uma tartaruga de água doce endêmica deste rio australiano. É classificada como ameaçada de extinção devido a caça para comercialização de exemplares em pet shops.

Esta espécie não é apenas inquilina das algas verdes, ela é também uma das várias espécies que vivem em rios e possuem a capacidade de obter oxigênio da água através de sua cloaca (câmara onde se abrem o canal intestinal, o aparelho urinário e o aparelho genital nos répteis). Isso mesmo! Nestes animais a cloaca é uma região muito rica em vasos sanguíneos o que permite a absorção do oxigênio dissolvido na água. Para fazer isso, as tartarugas nadam quase o tempo todo com sua cloaca aberta, bombeando água para dentro e para fora até 60 vezes por minuto.


É claro que elas precisam subir a superfície de vez em quando para respirar oxigênio do ar, mas o mecanismo permite que ela fique por um longo tempo no fundo do rio, respirando pelo traseiro. Estudos comprovam que alguns animais podem retirar Apenas 4% de oxigênio da água desta forma, enquanto outros podem conseguir 70% do oxigênio necessário, permitindo que eles passam longas estadias no fundo do rio longe do alcance de predadores.

article-1062575-02CE303C00000578-154_468x351

As tartarugas do Rio Mary (Mary River Turtle), na Austrália convivem diariamente com tufos de algas verde colonizando partes do seus corpos em uma interação ecológica chamada pelos ecólogos de inquilinismo.

article-0-02CE2FB000000578-710_468x351

Pertence à espécie Elusor macrurus e é uma tartaruga de água doce endêmica deste rio australiano. É classificada como ameaçada de extinção devido a caça para comercialização de exemplares em pet shops.

article-0-02CE30A600000578-968_468x341

Esta espécie não é apenas inquilina das algas verdes, ela é também uma das várias espécies que vivem em rios e possuem a capacidade de obter oxigênio da água através de sua cloaca.

article-1062575-02CE309000000578-712_468x335

Nestes animais a cloaca é uma região muito rica em vasos sanguíneos o que permite a absorção do oxigênio dissolvido na água.

tumblr_mhaa84tdGN1qzamioo5_1280

Para fazer isso, as tartarugas nadam quase o tempo todo com sua cloaca aberta, bombeando água para dentro e para fora até 60 vezes por minuto.

9480_5eee

É claro que elas precisam subir a superfície de vez em quando para respirar oxigênio do ar, mas o mecanismo permite que ela fique por um longo tempo no fundo do rio, respirando pelo traseiro.

 

Fonte: I fucking love science

 

Novidades

Topo
error: Sinto muito! Conteúdo protegido.