Fique mais linda deixando caracóis rastejarem na sua pele!

Um centro de estética do Japão garante que este é o novo segredo para a eterna juventude: deixar caracóis vivos rastejar pelo rosto, deixando aquela gosminha por onde passa.

Segundo os esteticistas o muco deixado pelo molusco contém uma mistura de proteínas antioxidantes poderosas e ácido hialurônico que garantem uma hidratação superior aos cremes tradicionais, além de aliviar áreas inflamadas e remover as células mortas. O muco também pode ajudar na recuperação das células da pele do rosto e tem sido indicado para recuperar pele danificada por ação dos raios ultravioleta. O tratamento é principalmente utilizado naquelas pessoas alérgicas aos produtos cosméticos que possuem uma ótima aceitação do tratamento com caracóis.

 Além do tratamento diretamente com os animais vivos, os esteticistas também utilizam cremes infundidos com o muco dos caracóis obtidos de animais que são alimentados com vegetais orgânicos em um criadouro especial. O cliente tem a opção de adquirir o muco em pequenos potes e levar para casa para complementar a terapêutica.

article-2363151-1ACDB115000005DC-959_634x450
Segundo os esteticistas o muco deixado pelo molusco contém uma mistura de proteínas antioxidantes poderosas e ácido hialurônico que garantem uma hidratação superior aos cremes tradicionais, além de aliviar áreas inflamadas e remover as células mortas.

 O tratamento, nomeado de “Celebrity Escargot Course” cobra em torno de R$ 540,00 por 60 minutos com cerca de quatro animais rastejando sobre a pele do rosto, deixando o muco. Segundo registros deixados, essa técnica foi usada pela primeira vez há cerca de 2 mil anos. Alguns médicos maceravam caracóis e misturavam a leite azedo obtendo um creme que era usado no tratamento de inflamações da pele.

article-0-06EC366D000005DC-52_634x312
Segundo registros deixados, essa técnica foi usada pela primeira vez há cerca de 2 mil anos. Alguns médicos maceravam caracóis e misturavam a leite azedo obtendo um creme que era usado no tratamento de inflamações da pele.

 

Fonte: Daily Mail