Por que tossimos?

“Tenho tosse persistente sempre que fico gripado. A tosse tem alguma função, ou é só um sintoma?” José Henrique

José Henrique a tosse é uma forma que nosso organismo encontrou para eliminar substâncias estranhas das vias respiratórias e do pulmão. Quando as pessoas ficam resfriadas ou gripadas, é comum que a tosse se manifeste rapidamente como forma de proteção. O ato de tossir é um reflexo por estimulação das áreas tussígenas como a faringe, a laringe, a traqueia e os brônquios. Nestes locais estão localizadas terminações nervosas que são acionadas durante os processos inflamatórios.

Na verdade, a origem da tosse como reação a um resfriado está na estrutura celular. Isso mesmo! É na membrana plasmática de determinadas células que existem conjuntos de proteínas que formam canais de passagem para os íons, os canais iônicos específicos, chamados Canal Receptor de Potencial Transiente (TPR, na sigla em inglês). Estes canais são como sensores de tosse no nosso organismo que funcionam sob uma lógica de ação e reação. Assim, alguns tipos de alterações ambientais tais como ar poluído, mudanças de temperatura, fumaça, inalação de substâncias tóxicas são reconhecidos por estes canais que ativam o mecanismo de tosse. Quando tomamos xarope contra tosse, o medicamento inibe os receptores que geram a tosse acalmando essa reação do organismo.

Contudo, a tosse nem sempre é uma reação ruim. Ela pode, algumas vezes, ser um mecanismo de defesa contra qualquer problema que afete as vias respiratórias. Quando engasgamos, por exemplo, a tosse evita o líquido ingerido que deveria ir para o esôfago, seja desviado para o aparelho respiratório. Nesses casos a tosse é uma proteção.

FONTES: Revista Viva Saúde, HypeScience