Animais

Formigas levam as companheiras mortas de volta para o formigueiro para colocá-las em um “lixão” que existe lá dentro

“Por que as formigas sempre carregam suas companheiras mortas? O que elas fazem com elas? Canibalismo?” – Luisa Mendonça




Pois é Luisa, parece mesmo mentira, mas por incrível que pareça, as formigas têm uma espécie de “serviço funerário”. Mas como quase tudo na biologia, isso também tem uma explicação. A responsabilidade e o cuidado com o formigueiro não é nenhuma novidade para nós. Elas são insetos sociais que dividem seu trabalho de acordo com castas, e assim, vivem em harmonia com muitas tarefas para todas.

Um dos cuidados com o formigueiro é a sua proteção de agentes patógenos, ou seja, causadores de doenças como fungos e bactérias. Uma das formas de garantir essa proteção e manter a higiene da colônia é o cuidado com as formigas que morrem de velhice ou por algum acidente. Para elas, uma formiga morta pode significar perigo, uma vez que ao entrar em decomposição desenvolverá fungos e bactérias que poderão contaminar todo formigueiro e por isso não devem ficar espalhadas por aí, oferecendo perigo.

Os especialistas acreditam que quando uma formiga está viva, ele possui um “cheiro” característico e ausência desse cheiro indica que a formiga está morta. Além disso, depois de morta a formiga começa a emitir um substâncias quimicas como ácidos graxos e então, sua remoção é necessária. Esse comportamento é incrível! Dentro do formigueiro existem câmaras especiais que funcionam como um “lixão”, ali, elas colocam tudo que é detrito que pode causar danos para o ninho. Assim, quando uma formiga é removida depois de morta está sendo levada para o monturo (lixão) e não para comer ou enterrar.

Mas… Muitas vezes vemos uma formiga que morreu fora do formigueiro sendo removida de volta para ele, não seria mais fácil deixá-la bem longe? Sim, seria. Mas essas danadinhas respeitam uma distância de segurança, ou seja, se a pobre operária morreu fora do formigueiro durante o trabalho e se essa morte aconteceu em uma distância “X”, ela, por segurança, será removida para o cemitério que existe dentro do formigueiro. Isso garante que a formiga que “passou dessa para melhor” não possa de forma alguma contaminar as companheiras e sua ninhada com seus decompositores.



200905051478920

Da próxima vez que você ver uma formiga carregando outra formiga morta, você pode ter certeza que ela está levando uma amiga querida de volta para sua casa para que descanse em paz em um lugar seguro para todas!

——————————–

FONTE



28 comentários

28 Comments

  1. Amanda Rosalino

    em

    Adoreeeei esse post! 🙂
    Parabéns mais uma vez! ^^
    Minha admiração é grande!!
    Beijos!

  2. Andrea Karolinne

    em

    Pensei que comessem!

  3. Edmilson

    em

    Muito interessante, formigas são animais fascinantes mesmo!

  4. Oi Karla,
    Adorei a matéria, e seu estilo de escrever é muito agradável.
    Lendo esse texto lembrei de uma coisa triste. As formigas estavam matando uma árvore aqui onde moro. Tentei umas receitas naturais para espantá-las, mas não adiantou. Então, pra salvar a árvore, acabei colocando aquelas iscas. Me senti muito culpada por ver as bichinhas levando o veneno pro ninho 🙁
    Vc conhece algum método natural que apenas espante as formigas? Bjs

  5. Nossa, nunca mais verei um formiga como antes! São seres pequenos, porém grandes ao mesmo tempo! Muito boa sua matéria! Boa mesmo!
    : )

  6. Biancaaa :D

    em

    Acho um ato lindoo o delas mas mesmo assim detesto elas !
    Tenho uma alergia muitoo forte de formigas :S

  7. kinho oliveira

    em

    Boa gostei do post, mais uma duvida tirada, pra quem achava que elas eram canibais isso é uma grande surpresa, um “lixão” pra guardar seus entes queridos muito bom, assim não contamina seus entes!! otimo post

    visitem meu blog:
    entretenimento e variedades

  8. Bessonildo

    em

    Post bacana!

    Quer ver conteudo de humor?

    ——————–

    Visite: http://kiwialado.blogspot.com/

    ——————–

  9. Excelente materia O:

  10. Interessante, gosteii..

  11. Enquanto isso os seres humanos…
    é melhor nem falar :s

  12. diamon

    em

    Karla Patricia, eu recebo diariamente o que e postado no seu blog e é fantástico, eu amo,a biologia, e estou cada dia compreendendo a importância de pequenos ser quer muitas vezes passa despercebido ao nossos olhos graças a você…
    beijos
    Diamon.

  13. Marta Luisa

    em

    Amei, achei incrivel essas formigas sempre me surprendendo!
    Esse e outros motivos que eu Amo de mais a biologia e essa carreira que eu quero seguir!

    Karlla você esta de parabens esse é o melhor blog de biologia que eu ja conheci!
    Adimiro de mais você por fazer esse site incrivel!

  14. GABRIEL SUDATI

    em

    muito legal,parabens!!!

  15. Lleyla

    em

    q legal!
    é mt fofooo!

  16. Paula

    em

    Achei um monte de formigas, no recipiente do bebedouro mortas, e em volta delas tinham como se fossem algodão branco, o que pode ser isso? Ingerimos aguá pode acrretar algum mal a saúde

    • Fernanda

      em

      Paula, isso “branco” provavelmente são fungos se alimentando das formigas mortas.

  17. As formigas sao muito impressionantes.

  18. As formigas são muito companheiras

  19. Paula

    em

    Eu achei que elas TIRAVAM a formiga morta de dentro do formigueiro quando sentiam os feromônios liberados pela mesma… Tem até um experimento com feromônios comprovando esse comportamento!
    Acho que essa sua explicação não vale pra todas as spp não…

  20. Pilar

    em

    muito maneiro hein! dessa eu não sabia!

  21. Otávio

    em

    Adorei a Matéria, muito interessante.

  22. Thiago Blanc

    em

    Parabéns, além disto, estas existem uma fauna que se utilizam do cemitério de formigas, como ácaros e colêmbolas.

  23. Muito bacana! Parabéns pelo ótimo blog!

  24. Complementando, como observado por um outro leitor nos comentários, realmente este comportamento não é universal para todas espécies de formigas, sendo que algumas fazem o cemitério fora do formigueiro, e outras largam os corpos junto da terra removida do solo de forma desorganizada. Além disso, é algumas companheiras mais “nutritivas” serem parcialmente consumidas depois de mortas, tais como rainhas/gines mortas, o que configura um canibalismo.
    Comentando ainda no observado pela Paula 8:07h, ela deve ter observado corpos de operárias de Tapinoma melanocephalum no bebedouro, que é bem frequente, com um fungo crescendo sobre estas — realmente nestes casos é melhor não beber daquela água.

    Apenas complementando em cima de um detalhe comentado na matéria, a crença de que formigas são “insetos sociais que dividem seu trabalho de acordo com castas” foi derrubada por observações e experimentos feitos com diversas espécies. A regra geral parece que todas tarefas da colônia são cumpridas pelos membros (incluindo gines e rainhas ativas em algumas espécies) de acordo com a necessidade no momento, logo uma mesma formiga pode forragear, cuidar da prole e carregar os mortos no mesmo dia. Apenas as forrageadoras tendem a ser mais velhas, e as enfermeiras de larvas tendem a ser mais jovens.

    Excelente matéria, parabéns!

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo