Curiosidades

Por que temos tipos sanguíneos diferentes?



“… Não seria mais fácil se todo mundo tivesse o mesmo tipo sanguíneo? Vários problemas de doação seriam resolvidos. Tenho sangue do tipo AB e sei que é um dos mais raros, morro de medo de precisar fazer uma transfusão de emergência!” Glorinha – São Carlos/SP

“É verdade que pessoas com tipo sanguíneo AB são considerados de sangue azul por quê? Marileide


Glorinha e Marileide, para responder a estas duas dúvidas, recorri ao brilhante estudo realizado por profissionais da medicina biomolecular. Os mesmos que trabalham com a famosa dieta do grupo sanguíneo.

Pois bem, de acordo com estudiosos, por volta de 30.000 a 40.000 a.C., os primeiros homens das cavernas que habitaram o planeta tinham o sangue do tipo O, e por isso este tipo é considerado um sangue primitivo. Nesta época todos tinham o mesmo tipo sanguíneo e por milhares de anos este foi o único tipo de sangue existente. É o mais freqüente ainda hoje. O tipo O marcou a ascensão do homem ao topo da cadeia alimentar. Ele era caçador ativo, todos comiam as mesmas coisas, respiravam o mesmo ambiente e tinham as mesmas doenças.

Mas, com o aumento da população, começaram as migrações e com isto novas populações foram se isolando e a variação se acelerou. Houve uma mudança da condição de caçador para um modo de vida mais “agrário-domesticador”. Então por volta de 25.000 a 15.000 a.C. na Ásia ou no Oriente Médio, surgiu o sangue do tipo A, nessa época o homem já era mais sociável e colaborativo.

O sangue do tipo B apareceu por volta de 10.000 – 15.000 anos a.C. na região da cordilheira do Himalaia, quando foi necessária a primeira grande adaptação foi ao clima e o ambiente bastante diferenciado. Era uma sociedade que mostrava muito inteligência e criatividade. Hoje em dia, o tipo B é encontrado dominante desde o Japão, Mongólia e China e o oeste da Europa. Os alemães e austríacos apresentam uma grande porcentagem de indivíduos de tipo B.

original

De acordo com estudiosos, por volta de 30.000 a 40.000 a.C., os primeiros homens das cavernas que habitaram o planeta tinham o sangue do tipo O, e por isso este tipo é considerado um sangue primitivo.

Novas linhagens foram surgindo, as mudanças se seguiram e não demorou muito surgiu o sangue do tipo AB, considerado hoje, o mais raro, pois só abrange de 2-5% da população mundial. Surgiu entre 500 a.C. e 900, como resultado da miscigenação do tipo A caucasiano com o tipo B dos mongóis. É como se fosse uma mescla entre as características de todos os outros grupos.

Assim, acredita-se que os diferentes tipos sanguíneos foram surgindo com a diferenciação e distanciamento das linhagens humanas. O surgimento se tornou necessário assim como a diferença em cores de pele, pelos, formato dos olhos, etc. Dizem que o apelido “sangue azul” foi determinado para o tipo sanguíneo AB devido a sua raridade!

acredita-se que os diferentes tipos sanguíneos foram surgindo com a diferenciação e distanciamento das linhagens humanas.

acredita-se que os diferentes tipos sanguíneos foram surgindo com a diferenciação e distanciamento das linhagens humanas.

 

Comentários

Novidades

Topo
error: Sinto muito! Conteúdo protegido.