Animais

Por que os gatos enterram o cocô?

Tenho 56 anos e sou muito fã do seu Blog. Entro todos os dias para ler as novidades. Eu tenho dois gatos em casa e fico impressionada, pois eles sempre enterram o cocô na caixa de areia. Existe uma explicação para isto? Isalda Miranda – Brasília/DF

Obrigada Isalda, é um prazer tê-la como leitora do Diário de Biologia. Pode acreditar! É verdade: sempre que um gato faz suas necessidades na caixa de areia, eles sempre cobrem voluntariamente as fezes. Isto é realmente intrigante! Os estudiosos do comportamento animal ainda não possuem uma explicação científica e definitiva para este comportamento. E por isso existem várias teorias.

Na primeira teoria, supõe-se que os gatos se comportem dessa forma com a finalidade de “esconder-se” de possíveis predadores. Aí vocês pensam: “Mas que predadores teriam dentro do meu apartamento?” Bem, imagina-se que este comportamento asseado dos gatos não apareceu agora. Há milhares de anos, quando os felinos eram totalmente selvagens, este hábito os protegia de possíveis inimigos. Instintivamente, eles sabiam que seu cocô poderia ser farejado e seu espaço poderia ser encontrado. Daí eles enterravam suas fezes para que seus rastros não fossem descobertos. Assim, mesmo que os bichanos domésticos não tenham mais predadores hoje em dia, o comportamento é explicado pela sua herança genética.

Também se acredita que este comportamento tem a intenção inversa: demarcar território. O ato de enterrar as fezes tende a ocorrer em áreas mais próximas dos locais de descanso e de alimentação, onde normalmente também fica aquela caixinha de areia destinada às suas necessidades. Já a exposição das fezes costuma ocorrer nas fronteiras de seu território, como um jardim ou quintal.

caixa-areia-gato-dicas

Qual seja a teoria correta, é incorreto pensar que os gatos fazem isso porque têm um comportamento higiênico. Isso seria um ponto de vista humano da situação, não é mesmo? E você qual a sua teoria preferida?

Comentários

As mais lidas

Topo