Por que o pum é fedorento?

Eu sempre tive uma dúvida: Ás vezes o pum não tem cheiro. Outras vezes fede tanto que nem sei. O que faz o pum feder tanto às vezes? E por que ele as vezes faz barulho, e outras vezes não faz? Juliano V. Lopes – Curitiba/PA

Pois é Juliano, isso é verdade mesmo! Temos diversas bactérias no nosso intestino que são benéficas para nossa digestão. No entanto, para se alimentarem necessitam dos carboidratos e açúcares que ingerimos. No processamento desses  nutrientes elas geram gases como hidrogênio, dióxido de carbono e metano. Em condições normais, nossos organismo, juntamente com ação de nossas queridas bactérias intestinais produzem algo em torno de 1,5 litros de gases por dia, isso geralmente resulta de 15 a 20 flatos (puns).

O odor liberado junto com os gases, geralmente é produto o alimento que foi ingerido. Isso faz com que a composição do gás seja muito flexível, ou seja, varia de cheiro e mistura gasosa. O mau cheiro vem das pequenas porções de sulfeto de hidrogênio (gás sulfídrico) e escatol (C9H9N, um composto orgânico que causa o cheiro desagradável e forte de fezes). Quanto mais rica em enxofre for a dieta, mais desses gases vão ser produzidos pelas bactérias no intestino, fazendo portanto com que os gases cheirem mal ainda mais.

Todo alimento no qual o processamento resulta em um composto com enxofre leva ao mau cheiro.  Pratos como cebola, couve-flor e ovos e carnes são “tiro e queda” por produzirem esses gases. As leguminosas, como o feijão, soja e outros grãos, por exemplo, produzem grandes quantidades de gases, não necessariamente fétidos, isso se deve à presença de açúcares que nosso organismo não consegue digerir. Quando esses açúcares chegam aos intestinos, as bactérias produzem uma enorme quantidade de gases.

fart

Todo alimento no qual o processamento resulta em um composto com enxofre leva ao mau cheiro.

Os sons produzidos algumas vezes são resultado da vibração da abertura anal. Ele depende diretamente da velocidade da expulsão do gás e de quanto estreita estiver a abertura dos músculos do esfíncter anal. Se esses músculos estão comprimidos, o ar fará barulho ao passar por eles. Porém, se estiverem relaxados, a saída do ar será silenciosa. Se a pessoa fizer força para a expulsão dos gases, a velocidade de expulsão será maior e assim, o barulho pode ser inevitável.

A_imagem_homem_tapando_o_nariz_02

Os gases são produzidos pela ação de bactérias no nosso intestino. O mau cheiro é resultado, principalmente do tipo de alimento ingerido!

————-FONTE—————