Curiosidades

Dentro do Corpo Humano: Glóbulo branco, macrófago e cristais de estrógeno

GLÓBULO BRANCO: O glóbulo branco é também conhecido como leucócito e nesta imagem aparece rodeado por bactérias que podem causar furúnculos e até envenenamento. O sistema imunológico do organismo se cuidou para que este tipo de glóbulos brancos fossem encontrados em diferentes tecidos do organismo, e não apenas no sangue. Sua missão é destruir os agentes patógenos (causadores de doenças) como bactérias, e fazem isso “devorando-as” e digerindo-as com a ajuda de enzimas. Uhuuu!!!!

globulobranco

O glóbulo branco é também conhecido como leucócito e nesta imagem aparece rodeado por bactérias que podem causar furúnculos e até envenenamento.


UM MACRÓFAGO COMILÃO: Uma célula branca macrófaga está “engolindo” uma bactérias (em azul) nessa imagem. Uma vez que a célula tenha uma doença dentro de seu citoplasma (região celular situada entre a membrana plásmatica e o núcleo) ele a digerirá com ajuda de enzimas (proteínas). Os macrófagos costumam se acumular nas regiões onde está acontecendouma infecção bacteriana, em alguns casos as toxinas secretadas pelas bactérias matam os glóbulos brancos, ou eles devoram tantas bactérias que não resistem e explodem, nesses dois casos os macrófagos se dissolvem e formam o pus. Ecaaaa!!!!

UN-MACRÓFAGO-TRAGÓN

Uma célula branca macrófaga está “engolindo” uma bactérias (em azul) nessa imagem.

CRISTAIS DE ESTRÓGENO: As estruturas azuis da figura são cristais de estradiol, a mais potente dos seis hormônios produzidos naturalmente no organismo e que estimulam o desenvolvimento do sistema reprodutivo feminino e algumas características sexuais secundárias, como a formação dos pelos, por exemplo. O estradiol é secretado nos ovários e é o principal encarregado de controlar o ciclo menstrual.

p234

As estruturas azuis da figura são cristais de estradiol, a mais potente dos seis hormônios produzidos naturalmente no organismo e que estimulam o desenvolvimento do sistema reprodutivo feminino e algumas características sexuais secundárias


Comentários

Novidades

Topo