Curiosidades

O que são as cócegas? Por que é impossível fazer cócegas no próprio corpo?

“… eu gostaria que me esclarecesse uma coisa… por que temos cosquinha? Qual parte do cérebro é responsável  por essa ação? Por que rimos quando sentimos cocegas? E por que algumas pessoas são mais sensíveis a isso?” Paula Caroline




Pois é Paula, quem nunca já tentou fazer cócegas em si mesmo e não teve sucesso, não é? Antes de explicar isso tudo, vamos entender o que é as cócegas: Bem, elas são uma reação de defesa do organismo diante do perigo em forma de um impulso nervoso. Esta é uma resposta primitiva do ser humano, existente desde os nossos antepassados. Uma reação instintiva e divertida que funciona como um alerta para o corpo, estimulando-o a reagir diante de uma situação de perigo, como, por exemplo, uma aranha ou um escorpião andando sobre a pessoa.

Nós sentimos cócegas quando alguma coisa toca nossa pele de um jeito que o cérebro não consegue prever. E sem conseguir “adivinhar” qual vai ser a sensação, o cérebro não tem como bloqueá-la. Quem consegue prever e bloquear essas sensações é o cerebelo (parte do cérebro escondida logo acima da nuca). O cerebelo prevê quais serão as sensações resultantes daquele movimento e compara essa previsão com as sensações que são percebidas pelos nossos sentidos.

Aí, se a sensação prevista for parecida com a sensação que chegou pelos sentidos, o cerebelo manda cancelar o sinal e o cérebro não sente quase nada. Mas, se forem diferentes… O cerebelo “autoriza” a sensação que está chegando que é, então, percebida com toda força. Estes impulsos nervosos provocam uma reação imediata do cérebro. É um comando que faz a pessoa realizar movimentos bruscos do corpo e dar gargalhadas, afim de se livrar do perigo.

Por isso, não é possível fazer cócegas em si mesmo pois seu cerebelo sabe que é você quem está por trás da tentativa de cócegas e avisa para o cérebro! A vantagem é que assim o cérebro fica livre para receber sensações inesperadas. Ainda bem, porque as sensações provocadas por nós seriam tantas e tão constantes que deixariam qualquer um doido! Melhor o cérebro se preocupar somente com sensações imprevistas, não é mesmo?



13 comentários

13 Comments

  1. 😀 😀 😀 Oi Karlla! Adoro seu Blog! Ah! E eu consigo fazer cócegas em mim mesmo, apenas nos pés. Valeu!
    😀 🙂

  2. 😀 Aaah! Mais uma pergunta q não tem nada a ver com o asunto, mas fiquei curioso e vou perguntar. Karlla, que letra, vc usou pra fazer o cabeçalho do blog, mais precisamente o nome da letra q vc usou pra escrever “BioBlog”, essa letra, assim, tipo feita de “insetos”, com borboletas, besouros, e talz. Sai pesquisando na NET, e não encontrei. Só vc pra me responder qual a letra usada. 😀

    Adooro o Blog, visito todo dia, 🙂 .

    Mateus.

  3. Mateus.
    O nome da letra é “a bug’s life”, é do filme “Vida de inseto”! beijinho

  4. Olá Karlla!
    Tudo bom?
    Gostaria de te dizer, apesar de este não ser o post mais apropriado, que a partir do seu post sobre as Mariposas eu fiz um texto sobre 2010.
    Acompanho o blog há muito tempo e só tenho a agradecer pela maravilhosa ideia! Foi um texto que eu gostei muito de escrever e que tive uma base muito boa a partir do seu texto.
    Muito orbigada! Aqui está o link dele, caso queira acessá-lo:
    http://historiasdeannie.blogspot.com/2010/01/desejo-ser-uma-mariposa.html
    E mais uma vez, meu sinceros agradecimentos!

  5. thomston

    em

    oi karlla materia bacana essa… mas tenho uma duvida os cães sentem cocegas tambem?

  6. Olá Karlla, estou conhecendo o seu trabalho agora e estou achando muito interessante.Sou formada em ciências biológicas, licenciatura e embora não esteja atuando na área atualmente, sempre procura me atualizar.Achei mesmo interessante o seu trabalho.Luzenilda. 😀

  7. Luzenilda, seja bem vinda ao site. É ótimo ter colegas participando deste trbalho. ^_^

  8. Ivone

    em

    😀 😀 É a primeira vez que visito o blog e achei muito interessante sou formada em ciências biologicas, licenciatura, e trabalho com alunos do 1º ao 3º ano do ensino médio. Gotei muito do seu blog :love:

  9. isiane macena

    em

    😀 :love: adorei o blog, eu a pouco tempo passei no vestibular para ciências biológicas , sou apaixonada por biologia , você estar de parabéns ….

  10. Beatriz

    em

    eu consigo fazer cócegas em mim se eu passar o dedo bem devagarinho perto do osso da bacia. experimente pra ver

  11. Carol Moraes

    em

    Eu também consigo fazer cócegas em mim mesma! Nos pés, nas costelas, na nuca… Funciona tanto que eu tenho que parar se não choro de tanto rir!

  12. Carol Moraes

    em

    Meu cerebelo deve ser burro então ‘0’
    u_ú

  13. assim eu sinto cocegas no abdôme lateral esquerdo e direito, as vezes eu sei que a pessoa vai fazer cocegas em mim,(ai na parte esquerda e direita do abdôme, ficam já no sentido que tal pessoa vai mexer ali, e quando mexe é a pior cocegas porque é um espanto maior!!!!) nesta hora o nosso celebelo devia enviar a mensagem que não é pra sentir cocegas, correto??????

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo