Acompanhe as fases do ciclo de vida de uma mariposa!

 

 

Michael Cook, é um fanático por mariposas. Ele vive em meio a milhares lagartas, casulos e  mariposas. Retirei do seu site algumas imagens interessantíssimas no que ele registra o ciclo de  vida impressionante de uma Cecropia. A Cecropia é considerada a maior mariposa americana.  Pertence a família Saturniidae, se alimentam de árvores de maçã, pêra, cereja e várias outras. Os  experimentos foram feitos na casa do pesquisador e, por causa disso, pode ser que o tempo de  desenvolvimento da mariposa tenha sofrido algumas alterações. Os comentários foram baseados na observação de Michael. DIVIRTAM-SE!

aaa

1º dia: A fêmea coloca os ovos que tem uma aparência de amendoim. A mamãe fixa os ovos nas  folhas com uma espécie de cola, que não permite que os ovos caiam ou se virem numa posição  que prejudicaria os futuros bebês.

bbb

2º dia: As larvas começam a emergir. Elas são escuras e cobertas de cerdas. Assim que saem dos  ovos as lagartinhas estão famintas e devoram a casca dos ovos antes de saírem a procura de  comida.

ccc

 3º dia: As lagartas já estão bem desenvolvidas. Nesse caso,  foram alimentadas com folhas de  pera a fome é muito intensa na fase larval.

ddd

7º dia: As lagartas começam a trocar as suas peles pela primeira vez. Vão abandonar a pele  escura cerdosa e revelar uma pele com uma coloração mais alegre. Algumas vezes elas comem  parte da pele que solta. Cada vez que a lagartas troca a pele, dissemos que elas avançaram um  instar.

eee

12º dia: As lagartas trocam de pele novamente (já é o terceiro instar).  Elas continuam fazendo  seu trabalho: comer, comer, comer.

fff

17º dia: Ainda com a terceira pele, mas as cores agora são mais brilhantes. As lagartas estão  cada vez maiores e mais lindas!

ggg

29º dia: Mais uma troca de pele. Esta imagem mostra a lagarta abandonando a “roupa velha”. Cook disse que ela ficou quase dois dias imóvel como se tivesse paralisada antes dessa troca.

hhh

32º dia: A lagarta está enorme. As cores são menos intensas. Aqui podemos observar a cabeça  da lagarta, que nesta fase fica a maior parte do tempo meio escondida, é apenas esticada para  comer ou movimentar. Os espiráculos (buraquinhos na lateral do corpo que servem para respiração) são muito visíveis nessa fase.  As reservas alimentares estão provocando um crescimento espantoso. LINDA!

iii

45º dia: Acabou a “boa vida” (come, descansar, comer, descansar). Chegou a hora de trabalhar duro. A lagarta começa a tecer o casulo. Ela espalha sua seda por toda parte e forma uma espécie de cobertura com as folhas que estão por perto.

jjj

50º dia: O casulo é composto de três camadas diferentes. A primeira é uma casca dura, a segunda é uma camada de ar e a mais interna lembra uma casca de coco. Dentro, encontra-se a pré-pupa, neste estágio a lagarta não precisará mais comer e andar, mas ela pode se mexer e mudar de posição dentro do casulo.

kkk

57º dia: A pré-pupa mostra sinais de que está pronta para perder a pele novamente. O corpo está desbotado e é possível ver alguns pontos onde a pele está afrouxando. No 58º dia a mudança foi rápida. A pupa já surgiu por baixo da última pele da lagarta. As cores da pupa recém formada lembra um sarcófago esculpido com pedras preciosas multicoloridas. Incrível!

lll

59º dia: A pupa perde suas cores e se torna marrom. Agora sim a antena está muito visível na canto superior direito ( é um macho. Nessa espécie, os machos possuem uma antena enorme), as asas estão abaixo acondicionadas ao corpo.

mmm

Aí está ela! Nossa mariposa emerge do casulo. Um macho, veja está antena grandona. Essa estrutura ajuda a detectar os feromônios liberados pela fêmea.

————————————–

Fonte: Worm Spit

Categorias Animais