Animais

Escorpiões: O macho dá presente com espermatozoides e foge da fêmea

Os escorpiões são animais muito antigos, surgiram há cerca de 400 milhões de anos atrás. Uma das características que possibilitou esse sucesso é a reprodução eficiente desses animais. Em algumas espécies machos e fêmeas enfrentam um ritual reprodutivo bem interessante. DIVIRTAM-SE!




Tudo começa  com o macho procurando uma fêmea que o aceite. Ele não é muito insistente pois, se logo nos primeiros contatos a fêmea fizer “docinho” (resistir ao cortejo) o macho por desistir e sair em busca de outra parceira. Quando há sucesso, o macho segura a fêmea pelos palpos (aquelas piças grandes que eles possuem) e então começa uma dança: Com os pedipalpos unidos, o casal se desloca para frente e para trás, de um lado para o outro e todos os passos são determinados pelo macho, que pode sofrer fortes tremores durante a dança.

Esses pobres machos não possuem um órgão transmissor de esperma (pois é…). Aí durante essa dança ele procura um local adequado para a deposição do espermatóforo (veja a foto), uma estrutura que contém os espermatozóides que serão transferidos para a fêmea, já que o pobrezinho não realiza o ato propriamente dito. Esse espermatófro varia conforme as espécies e pode ter várias formas. Toda essa dança pode durar, de acordo com a dificuldade de encontrar o local adequado, o macho é bem cauteloso nessa hora. Isso pode levar até 10h.

A etapa seguinte é a inseminação da fêmea. Ao encontrar o local adequado, o macho eleva seu pós-abdome e libera o espermatóforo. A fêmea é, então, puxada pelo macho que segura forte em suas “pinças” e leva em direção ao espermatóforo fixado no chão, até que sua abertura genital o toca. Depois disso, ela se solta e acreditem: o macho vai embora e deixa ela se virando sozinha, e mais, ele ainda aceita que ela se envolva com outros machos para acasalamento. Quando os “escorpiões bebês” nascem, ela carrega todos eles nas costas (dorso) de uma só vez, alimentando e defendendo contra os predadores.

Resumindo: (1) O macho não possui órgão sexual para inseminar a fêmea; (2) Ele enrola ela com uma dancinha, dois passos pra cá, dois passos pra lá; (3) Ela tem que se virar sozinha para se reproduzir; (4) Cuida dos filhotinhos sozinha, carregando todos nas costas; (5) Ela pode ter vários parceiros durante a vida, mas será tratada sempre da mesma forma. Conclusão: Homem é tudo igual!”



Mating2

Macho e fêmea praticando a dança do acasalamento! 🙂



vaejovis-punctatus-spermatophore

Espermatóforo: É isso que insemina a fêmea. O macho não possui órgão ejaculatório. 🙁

Escorpião1

E aí está a pobre fêmea criando mais de 10 filhos de um “pai irresponsável”! ;-(

FONTE: IBARAKI, HOW STUFFS WORKS, WIKIPEDIA

 

 

8 comentários

8 Comments

  1. Kzin

    em

    Muito interessante! uma das materias q eu mais gostei, os filhotes d escorpiao sao fofos! e tadinho do maxo, n sabi oq eh bom =D, e a femea n pode reclamar, n é um macho com arem, é praticamente o oposto!

  2. Gabi

    em

    😀 Amei o site, ta de parabéns 😉
    Gostei muito dssa matéria do Escorpião (Y)

  3. ahuhauhaahu Adorei 😆

  4. @Xafow

    em

    wow, muito boa sua adaptação.
    Me surgiu uma duvida, os animais que não possuem órgão ejaculatório tem um nome específico?
    Parabéns pelo blog, tem influenciado (e muito) na escolha da minha faculdade.

  5. 🙂 Obrigada pela minha fotinho ai.. adoreiiii.
    O seu site é muito interessante, com certeza vou ler sempre sempre. Beijos :p

  6. Simone, eu é que agradeço por tê-la enviado! Bjs :love:

  7. tixs

    em

    Até Michele Obama tá lendo o site! Que sucesso!

  8. Breno

    em

    Kkkk! Texto super legal!

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo