Animais

Não mate seu amigo: chocolate é altamente tóxico e afeta o sistema nervoso dos cães podendo levar à morte!

Não mate seu amigo: chocolate é altamente tóxico e afeta o sistema nervoso dos cães podendo levar à morte!
5 (100%) 1 vote

“… cachorros não podem mesmo comer chocolate? Isso é verdade? Se for, por que eles não podem?” A. Baptista 

É verdade sim, A. O chocolate é altamente palatável e muito atraente aos cães e freqüentemente de fácil disponibilidade o ano todo  e comumente  recebem chocolates dos donos ou roubam aqueles que ficam acessíveis. O chocolate é constituído por carboidratos, lipídios, aminas biogênicas, neuropeptídeos e metilxantinas  (teobromina e cafeína).


São justamente as metilxantinas os maiores causadores de intoxicação em cães. A quantidade de teobromina varia de acordo com o tipo de chocolate. Quanto mais matéria lipídica possuir, menor será o teor de teobromina, como por exemplo, os chocolates brancos, que não oferecem tanto risco de intoxicação para os cães. A teobromina faz um grande estrago no sistema nervoso desses animais.

Essa substância é semelhante à cafeína e está presente no cacau, e pode provocar crises alérgicas, aumento da pressão arterial, taquicardia, arritmia, tremores e convulsões. Dependendo do porte do animal, da quantidade de chocolate que ele ingerir e da sua sensibilidade ao alimento, ele pode até mesmo entrar em coma e morrer.

Oferecer chocolate para seu cão é uma atitude irresponsável e cruel!

Tipos diferentes de chocolate contêm quantidades diferentes de teobromina: embora fossem necessários 600 ml de leite achocolatado para matar um cachorro de nove quilos, uma quantidade de apenas 56 gramas de chocolate Baker’s ou 170 gramas de chocolate amargo já seriam suficientes para levar esse mesmo cachorro desta para melhor. Não é difícil para um cachorro achar uma cesta cheia de ovos de Páscoa ou docinhos de chocolate e devorar meio quilo ou um quilo de uma vez só. Se estivermos falando de um cachorro pequeno, isso será letal. O chocolate branco também contém teobromina em sua composição, porém em menores quantidades. Há de duas a cinco gramas em cada quilo.

FONTE: MUNDO ESTRANHO, HOWSTUFFSWORKS

Comentários

Novidades

Topo