Animais

Por que as baleias ejetam água?

Por que as baleias ejetam água?
Esse texto foi útil para você?

Na verdade, as baleias não ejetam um esguicho de água como parece. Elas ejetam ar quente, que, ao encontrar o frio da atmosfera, condensa-se, criando uma nuvem de gotinhas de água que dão realmente a impressão de que elas estão ejetando água.

Nas baleias maiores, como a baleia azul, esse borrifo pode chegar a 9 metros de altura. Aliás, é pelo borrifo que os caçadores estimam a localização, a espécie e o tamanho das baleias ? em geral, quanto maior a baleia, maior o borrifo. Mas, além da altura, eles ficam de olho no formato: o borrifo da baleia franca, por exemplo, tem formato de V.


Mas não são só as baleias que têm ?esguicho?. Essa é uma característica de todos os cetáceos (golfinhos e botos, além das baleias). Como sabemos, esses são maníferos, respiram através de pulmões e, por isso, precisam subir à superfície para fazer a troca gasosa.

Mas como é a respiração delas?

1- Quando a baleia 4 chega à superfície, o ar entra pelo orifício respiratório, uma espécie de nariz da baleia. Assim que ela mergulha, um tampão fecha este orifício e impede a entrada de água, evitando que ela se afogue.

2- O ar chega aos pulmões, onde ocorrem as trocas gasosas. As baleias aproveitam cerca 90% do ar aspirado. Por isso, ficam tanto tempo submersas.

3- Dos pulmões, sai o sangue oxigenado em direção ao coração da baleia. O sangue dos cetáceos é muito mais escuro que o nosso em função da abundância de hemoglobina (proteína que transporta oxigênio). Isso também os ajuda a tirar maior proveito do ar inalado.

4- Para tornar a respiração mais eficiente, assim que a baleia mergulha o coração passa a bater mais devagar, reduzindo o fluxo de sangue. O oxigênio circula lentamente e o gás carbônico volta aos pulmões, de onde é encaminhado para o orifício respiratório.

baleia-azul-5

Os esguicho da baleia azul pode chegar a 9 metros de altura.

finback-4-17-13

Os pulmões das baleias podem ser até mil vezes maiores que os nossos!

Fontes: Revista mundo estranho, wikipédia

———————————————————-


Comentários

Novidades

Topo